-Mais sobre o Grupo "cidades criativas" de Elvas

-Fevereiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

-Posts recentes

- Novidades das Criativas d...

- Gastronomia da Cidade de ...

- Artigo de Publicidade do ...

- Elvas enche-se de cor par...

- Monumentos de Elvas

- Coliseu José Rondão de Al...

- Análise Swot sobre Elvas

- Futebol Clube «O Elvas»

- Futebol Clube «Os Elvense...

- Capa Semanário Linhas de ...

-Arquivos

- Fevereiro 2008

- Dezembro 2007

- Novembro 2007

- Outubro 2007

-tags

- todas as tags

Terça-feira, 4 de Dezembro de 2007

CM Elvas altera o cartão da Idade de Ouro - "Câmara, mão amiga"

Apoio nos medicamentos sobe de 50% para 75%

 

Mais um projecto inovador por parte da nossa autarquia que promove a ajuda às pessoas de mais idade possuidoras do cartão autárquito "Idade de Ouro".

Porque os idosos também têm direito à vida...

 

A seguinte notícia tem como fonte o site oficial da Câmara Municipal de Elvas

A Câmara Municipal de Elvas, na sua reunião de 28 de Novembro, aprovou as alterações ao regulamento do Cartão da Idade de Ouro. A partir de Janeiro próximo, a comparticipação da Câmara na parte dos utentes no preço dos medicamentos sobe de 50 para 75 por cento. Ainda no âmbito social, em 2008, arranca o projecto “Câmara, Mão Amiga”, destinado a efectuar pequenas reparações nas residências dos utentes do Cartão da Idade de Ouro.

O Lar Residência e Residências Autónomas da Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) de Elvas vão ser construídos, no valor de 850 mil euros. Este investimento é pago inteiramente por dinheiros públicos: 40 por cento pela Câmara Municipal de Elvas e 60 por centos pelo Poder Central. A estrutura vai poder acolher utentes da APPACDM de Elvas todos os dias durante 24 horas e é destinada aos que têm maiores dificuldades de acompanhamento familiar.

Foram aprovados as Grandes Opções do Plano e o Orçamento para 2008; as Grandes Opções do Plano prosseguem os projectos constantes dos Planos Plurianuais de Investimento, elaborados pela Câmara, e o Orçamento ascende a 22,3 milhões de euros. Ambos os documentos vão ser enviados de seguida à Assembleia Municipal. O Presidente Rondão Almeida deu a conhecer o despacho de redistribuição de Pelouros e o despacho de delegação e subdelegação de competências.

A Câmara Municipal aprovou os relatórios finais de adjudicação referentes a quatro obras no Concelho:

- Centro Cultural da Terrugem, empreitada adjudicada à “Marcelino & Rodrigues Construção, Lda.”, no valor de 150 mil euros;

- entradas de Vila Boim, empreitada adjudicada à “Agrocinco”, por 400 mil euros;

- semaforização das Freguesias rurais, empreitado adjudicado ao consórcio “Agrocinco Construções /  Carlos Oliveira”, no valor de 300 mil euros;

- e envolvente à Igreja de São Brás, empreitada adjudicada à “Centrejo, S.A.”, por 40 mil euros.

Foram aprovados os protocolos seguintes:

- entre a Câmara e o Plano Nacional de Leitura, uma prioridade do Governo que considera o objectivo de aumentar o contacto dos Portugueses com os livros um desígnio nacional; este protocolo faz com que a Câmara apoie e divulgue o plano, elaborando actividades em consonância com o plano e articulado pelos serviços da Biblioteca Municipal, e adquira mais de dez mil euros de livros destinados às seis bibliotecas escolares do Concelho;

- entre a Câmara e o IGESPAR, sobre digitalização e georeferenciação dos imóveis com protecção legal, que consiste na disponibilização de cartografia, à escala 1:2000, encomendada pela Câmara no valor superior a 400 mil euros; tais documentos possibilitam a definição das zonas de protecção, zonas especiais de protecção e zonas non aedificandi dos 36 imóveis classificados do Concelho;

- e entre a Câmara e a DECO, para a criação em Elvas de um Gabinete de Apoio ao Consumidor.

O programa de festejos natalícios foi aprovado com as realizações seguintes: 10 e 11 de Dezembro, às 14.30 horas no Centro de Negócios Transfronteiriço, com as festas escolares dos Agrupamentos de Santa Luzia e Boa-Fé, dia 13, às 14.30 horas no Pavilhão José Rondão Almeida em Vila Boim, com a festa do Agrupamento escolar de Vila Boim, e a 14 de Dezembro, às 20 horas no Centro de Negócios Transfronteiriço, a festa dos trabalhadores da Câmara Municipal de Elvas e seus familiares. Foram aprovados o programa de comemorações dos 349 anos da Batalha das Linhas de Elvas, a decorrer ao longo do mês de Janeiro e a realização da Semana Gastronómica do Azeite, entre 10 e 16 de Dezembro, em restaurantes do Concelho e através de trabalhos escolares sob o tema “A utilidade do azeite ao longo do tempo”.

Foi decidido proceder à auscultação dos moradores da Urbanização do Revoltilho sobre o eventual arranque dos plátanos e choupos. Decidida a atribuição de três nomes a outros tantos arruamentos de Elvas: Rua Dr. Álvaro Pacheco, na urbanização Village Place, ao lado do Santuário da Piedade, Praceta da Saúde, na urbanização da do Olival das Caldelas, entre a estrada da Carvalha e o Bairro de São Pedro, e Rua D. Pedro I, na Quinta do Morgadinho, entre o Coliseu e as Piscinas Municipais.

Aprovados apoios financeiros ao MTA – Movimento Teresiano do Apostolado, Confraria do Senhor Jesus da Piedade, Sociedade Recreativa 1º de Dezembro, Associação de Estudantes da Escola Superior Agrária de Elvas, Núcleo Sportinguista de Elvas, Associação de Beneficência dos Amigos da Terrugem, Agrupamento 1307 (Terrugem) do Corpo Nacional de Escutas, CF “Os Elvenses”, Centro Artístico Elvense e Juventude Atlético de Vila Boim.

:
Publicado por Elvas, Cidade Transfronteiriça às 09:56
Link do post | Comenta | Adiciona-nos aos teus favoritos

-Quem somos??

-Alexandre Guerra -Andreia Santinhos -Nélson Évora -Paula Santinhos